domingo, 3 de abril de 2011

Vítima

Casa cheia de rosas, uma carta nas escadas
Uma fita cheia de mensagens, para alguém que se importa
Colagem de palavras quebradas, e histórias cheias de lágrimas
Lembrando de sua vida, porque desejamos que você estivesse aqui
Nada é mais difícil que acordar totalmente sozinho
Perceber que não está bem, é o fim de tudo que você conhecia
O tempo continua passando, mas parece que estou congelado
Cicatrizes são deixadas para trás, mas algumas muito profundas para se sentir

E algo me diz que isso não pode ser real
E eu perdi meu poder para sentir, esta noite
Que todos nós somos vítimas de um crime
Quando tudo se vai e não pode ser recuperado
Nós não podemos parecer abrigar a dor por dentro
Todos nós somos vítimas de um crime

Algum dia você vai me encontrar em um lugar que eu gosto de ir
Perguntando a mim mesmo sobre coisas que eu nunca saberei
O que resta descobrir? Porque eu preciso de um pouco mais
Eu preciso de um pouco mais de tempo, podemos ao menos voltar o tempo?

E algo me diz que isso não pode ser real
E eu perdi meu poder para sentir, esta noite
Que todos nós somos vítimas de um crime
Quando tudo se vai e não pode ser recuperado
Nós não podemos parecer abrigar a dor por dentro
Todos nós somos vítimas de um crime


E nada dura para sempre, para todas as coisas boas isso é verdade
Eu preferiria rasgar tudo, por uma maneira de te salvar
Deve ter sido a estação que nos tirou da linha
Uma vez que eu fui tão alto, agora eu estou procurando por um sinal

Então não preciso de sua salvação com promessas e gentilezas
E todas essas especulações, guarde para uma outra hora
Porque todos precisamos de uma razão, uma razão apenas para ficar
E alguns apenas não se incomodam
Para ficar mais um dia

Vitimas de um crime
Vivendo com esse crime

Eu sinto sua falta!
Eu sinto sua falta!
Eu sinto sua falta!

(Tradução da música Victim,Avenged Sevenfold)

2 comentários: