sábado, 2 de abril de 2011

Lucidez mórbida


Essa lucidez me apavora, me mostra uma realidade louca,muito louca.Por trás dessas grades existem coisas   mórbidas.
De verdade queria muito um conto de fadas para me salvar.
Salvar é a palavra certa, as cores que não mudam, a verdade, os fatos.Cinza, minha vida é cinza, e as pessoas mortas aqui dentro.Não consigo ser coerente, é tudo surreal, e invisível por aqui.
Tenho vontade de chamar os espíritos que me atormentam para meu mundo mórbido.Triste, rouco, e vazio, estou completamente lúcida.

2 comentários:

  1. Fala aí garota! Encontrei seu blog e gostei de seu estilo. Mas me entristeço com sua tristeza. Visite meu blog Amor Scan: http://amorscan.blogspot.com/

    Um abraço poético!

    ResponderExcluir
  2. Obrigada, vou seguir você sim, só escrevo o que sinto nham ;]

    ResponderExcluir